A progressão do aluno passa por seis etapas, cada uma da qual e composta por duas ou mais cordas. 

Cada etapa representa uma fase diferente de aprendizagem e responsabilidades distintas dentro do grupo.

O objetivo e que cada aluno que treina regularmente possa trocar de corda cada ano, sendo que os alunos que progressão mais rápido tem a possibilidade de pular uma corda.  

Esse sistema foi elaborado para criar mais homogeneidade entre os alunos com a mesma corda, e para motivar alunos novos dando pontos de Referência para sua progressão.

Na fase de transição ao sistema de graduação do grupo Anga Capoeira, cada aluno treinando regularmente passara a próxima corda até o nível de verde amarelo duas voltas.

  • O Amarelo é a cor do Sol e do Ouro. Simboliza a vitalidade e o valor que fortalecem a dedicação á Capoeira.

  • O Azul e a cor do Céu e do Mar. Simboliza a abertura aos horizontes infinitos que podemos descobrir e aprender no universo da Capoeira.

  • A cor Branca e formada pelo conjunto de todas as outras cores. Simboliza a compreensão de todos os horizontes proporcionados pela Capoeira.

SISTEMA DE GRADUAÇÃO  ANGÁ CAPOEIRA

No Angá Capoeira, as cores das cordas simbolizam os vários componentes da Natureza, formando um conjunto equilibrado.

M. Maxuel ©

O Batizado de Capoeira

Criado por Mestre Bimba o batizado é uma festa de confraternização no universo da capoeira, onde os alunos tem a oportunidade de conhecer os diferentes mestres e professores convidados.

Na época de Mestre Bimba o aluno recebia uma medalha e um lenço de seda colorido como graduação. O grupo Anga Capoeira tem sua graduação nas cores da bandeira do Brasil seguindo as cores da “ECCAGE” (ESCOLA CULTURAL CAPOEIRA GERAIS).

  • O Verde é a cor da floresta. Simboliza o Crescimento e a Esperança desenvolvidos a traves da Capoeira.

 

Durante o batizado o aluno joga com um mestre ou professor e este irá “batizá-lo” de uma forma simbólica.

Após o batismo o aluno entra oficialmente no mundo da capoeira recebendo sua primeira graduação.

É também na festa do batizado que os alunos trocam suas graduações e mostram ao jogarem com os mestres e professores o seu desenvolvimento na capoeira.